GMs de Hortolândia tomam a vacina contra a Covid-19

Começou desde a última terça-feira(06/04) a imunização contra a Covid-19 da Guarda Municipal de Hortolândia.

Por determinação do Governo do Estado, que incluiu os agentes de segurança pública entre os grupos prioritários, a aplicação do imunizante acontece, junto com a dos PMs (Policiais Militares) que atuam na cidade, na sede do 48° BPM (Batalhão de Polícia Militar), em Sumaré. Além deles, também são atendidos policiais civis e militares, policiais da área técnico-científica e bombeiros.



Em média, são vacinados 45 GMs por dia. A previsão é que, até quinta-feira (08/04), todo o efetivo tenha recebido a vacina. Segundo a Secretaria Municipal de Segurança, até o momento 70% do contingente já havia sido imunizado.

Para o secretário de Segurança de Hortolândia, Joldemar Nunes Corrêa, a medida é muito bem-vinda, pois protege servidores que atuam na linha de frente do combate ao Coronavírus, desde o início da pandemia, seja em ações preventivas, seja em operações de fiscalização e orientação realizadas pela Prefeitura.

“A vacinação dos guardas municipais é muito importante, porque eles são profissionais que estão superexpostos ao contágio do vírus, pois atuam na linha de frente, desde o início da pandemia, principalmente na área de fiscalização para evitar aglomerações. A vacina traz uma maior segurança e tranquilidade para que possam continuar atuando no combate à pandemia”, avalia o secretário.

Vacinação de idosos e profissionais da saúde

Nesta segunda-feira (05/04), a Prefeitura iniciou a vacinação para idosos com idade de 67 anos ou mais. A vacinação é realizada no CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade), órgão da Prefeitura, localizado na rua Euclides Pires de Assis, 200, Remanso Campineiro. O local conta com esquema de drive-thru para imunizar idosos com dificuldade de locomoção. O acesso é pela entrada lateral do CCMI na rua Antonio Bernardes. Serão vacinados somente os idosos que fizeram o pré-cadastro no site da Prefeitura e receberam o agendamento. Os idosos devem levar ao local de vacinação documento pessoal, cartão cidadão e comprovante de endereço. É permitido um acompanhante por idoso.

A Secretaria de Saúde reforça a orientação para que os idosos que ainda não fizeram o pré-cadastro, para que o façam no site da Prefeitura. É importante que famílias e parentes estimulem os idosos a tomar a vacina e os ajudem a fazer o cadastro. A vacina é segura. Após ter feito o cadastro, a Secretaria de Saúde recomenda para que os idosos consultem o site da Prefeitura para conferir as informações do agendamento.

A Secretaria de Saúde também ressalta que a imunização para profissionais da rede particular que estão na linha de frente da assistência à saúde também continua. Os profissionais que ainda não se cadastraram também podem fazê-lo no site da Prefeitura.

Não devem ser vacinados:

– Pacientes que tenham sido imunizados no calendário vacinal nos últimos 14 dias;

– Pacientes que apresentem quadro agudo e febril e sintomas respiratórios;

– Paciente que tenha tido COVID-19 há menos de 28 dias;

– Menores de 18 anos.