HORTOLÂNDIA: Estrada do Furlan começa a receber postes de rede elétrica

Ação integra o processo de regularização fundiária da área

Graças à atuação da Prefeitura de Hortolândia, cerca de 230 famílias que moram na Estrada do Furlan terão, em breve, sua situação habitacional regularizada. A CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz) iniciou, na semana passada, a instalação dos postes públicos de rede elétrica na área. Já a Secretaria de Habitação doou um poste padrão para cada uma das famílias fazer a ligação domiciliar. A ação integra o processo de regularização fundiária do local. A instalação dos postes é uma das diretrizes anunciadas em reunião realizada pela Prefeitura com os moradores e representantes da CPFL, na Câmara Municipal, em julho deste ano. O encontro contou com a participação do prefeito José Nazareno Zezé Gomes.



Na reunião, o prefeito Zezé Gomes destacou que a instalação dos postes pela CPFL é uma ação importante para garantir segurança aos moradores, eliminando assim o problema dos chamados “gatos”, ligações clandestinas de energia elétrica na área, que podem causar acidentes graves e até mesmo fatais.

Ainda no encontro, a consultora de relacionamento da CPFL, Talita Pinotti, afirmou que os trabalhos já foram iniciados com a visita de técnicos para realização de vistoria e estudos para implantação dos postes e da rede. “Para que o serviço avance é fundamental a colaboração de todos. Nosso objetivo é finalizar a rede de distribuição até dezembro deste ano”, comentou Talita.

A consultora destacou ainda que todos os moradores da Estrada do Furlan serão contatados para que o trabalho possa ser realizado da melhor forma possível e lembrou que a ação será realizada a custo zero para a comunidade. “A CPFL implantará a rede e os postinhos para cada um dos domicílios. O serviço será completo em benefício desses moradores”, explicou. Talita informou que haverá uma ação pontual com cada família para o uso racional de energia, com distribuição de lâmpadas mais eficientes. “Com a regularização do sistema de distribuição as famílias começarão a receber a tarifa de consumo. Para não impactar a vida das famílias realizaremos esse trabalho pontual com cada uma delas. A doação de lâmpadas eficientes faz parte desse pacote para que elas passem a adquirir essa consciência sobre a importância de se economizar”, detalhou.

Além da instalação dos postes de rede elétrica, a Prefeitura também realizou, neste mês, uma reunião com a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) para discutir a implantação da rede de coleta de esgoto e abastecimento de água na área. De acordo com o secretário adjunto de Habitação, Renato Franceschini Bueno, a Sabesp iniciará as obras no próximo ano.

Bueno explica que o processo de regularização fundiária que beneficiará as famílias moradoras na Estrada do Furlan será realizado pelo governo estadual, por meio do programa Cidade Legal. “A equipe técnica do programa já realizou vistoria e levantamento da área, no mês passado”, destaca.