Polícia Civil detém 60 pessoas durante operação nacional contra pedofilia

Ministério da Justiça e Segurança Pública coordenaram a operação nacional nos 26 Estados e no Distrito Federal

A Polícia Civil, em conjunto com o Ministério da Justiça, realizou nesta quarta-feira (28) a quarta edição da Operação “Luz na Infância” que prendeu 60 pessoas no Estado de São Paulo. A ação foi realizada com o intuito de combater a pedofilia, o abuso e a exploração sexual de crianças e jovens, praticados por meio da internet.



No Estado de São Paulo foram cumpridos 92 mandados de busca e apreensão, mobilizando 458 policiais e 155 viaturas. Ao todo 60 pessoas foram presas em flagrante durante a ação, que teve como objetivo não só punir os responsáveis que acessavam e compartilhavam o material, mas também coibir a prática desse crime.

O delegado geral Ruy Ferraz Fontes ressaltou a importância de ações integradas no combate ao crime. “Nós, em conjunto com as demais polícias civis do Brasil conseguimos, com muita intensidade, atuar contra a prática de um delito tão vil como é esse da pedofilia”, afirmou.

Durante a ação foram apreendidos dezenas de microcomputadores, pen drives e objetos relacionados. Todo o material recolhido foi encaminhado ao Instituto de Criminalística (IC) para perícia e, após análise, será apresentado à Justiça.

A atuação de campo reforçou a ideia de punição a todos os envolvidos. “Na medida do nosso alcance, todos os casos serão identificados, é muito difícil escapar da rede que nós lançamos na internet com os sistemas que temos de pesquisa”, explicou o delegado geral.